Você sabe o que é a Doença Renal Crônica? | CDRB

Você sabe o que é a doença renal crônica?

| 16 de agosto de 2018


Apesar de ser muito comum, a doença renal crônica permanece desconhecida para boa parte da população. Preparamos aqui uma lista de perguntas e respostas para você conhecer um pouco mais sobre esta condição. Vamos lá?

 

O que é a doença renal crônica (DRC)?

A  doença renal crônica (DRC), é uma condição dos rins na qual  há uma perda progressiva das suas funções. Lentamente, o órgão pára de funcionar e perde sua capacidade de eliminar o excesso de água do organismo e filtrar as toxinas do sangue.

 

O que causa a doença renal crônica?

A DRC geralmente acontece a partir de alguma condição ou doença que prejudica o funcionamento dos rins. Os principais fatores de risco são o histórico familiar,  diabetes, hipertensão, obesidade, doenças cardíacas, uso de certas medicações ou idade avançada.

 

Quais são os estágios da doença?

A doença renal crônica possui 5 estágios, que são definidos pelo volume de sangue que o rim é capaz de filtrar, medido pelo que chamamos de taxa de filtração renal. Quando esta taxa é menor do que 15 ml por minuto, o rim não é mais capaz de desempenhar suas funções de filtração. Por isso essa fase é chamada de terminal, ou seja, que haverá necessidade da função renal ser realizada por meio de tratamentos.

Quando isso acontece, é necessário iniciar imediatamente a substituição do órgão, com um tratamento que irá substituir a função renal danificada.

 

Quais são os principais sintomas?

Nos estágios iniciais não existem sintomas. Apenas quando a doença já está avançada é que o paciente começa a sentir dor nos ossos, palidez da pele, distúrbios do sono, dormências, cãimbras, sede excessiva, inchaço nas pernas, rosto, abdômen, fraqueza, dentre outros.

 

Quais são os fatores de risco da doença renal crônica?

Os principais fatores de risco são o histórico familiar, diabetes, hipertensão, obesidade, doenças cardíacas, uso de certas medicações ou idade avançada.

 

Quais são os tipos de tratamento?

Há duas categorias de tratamento para a doença renal crônica: o tratamento conservador e o tratamento renal substitutivo. O tratamento conservador é feito quando a doença está nos estágios 3 e 4 e o tratamento renal substitutivo quando a doença já está mais avançada, no estágio 5.

 

A doença renal é comum?

Segundo uma estimativa do Sociedade Internacional de Nefrologia, cerca de 10% da população mundial possui a doença em algum estágio, mas a grande maioria ainda não sabe. Isso acontece porque os sintomas só aparecem nos estágios mais avançados, quando já é preciso recorrer à diálise.

 

Para prevenir esta situação, faça check-ups de rotina e tenha consultas regulares com um nefrologista. Descobrir com antecedência é a melhor forma de frear o avanço da doença. 

 

Confira todos os conteúdos da CDRB sobre doença renal crônica e junte-se a nós para uma jornada rumo a mais qualidade de vida.

Baixe agora

E-BOOK DE RECEITAS RENAIS

Paciente renal pode ter uma dieta apropriada e gostosa sim!